Medicamento biológico ajuda a tratar a psoríase

É uma inovação terapêutica para os doentes com psoríase (doença crônica de pele) em placas moderada a grave. Cosentyx é o nome do medicamento biológico desenvolvido pela Novartis que foi agora aprovado pelo Infarmed como uma opção a ter em conta no tratamento da doença.

O medicamento vai passar a estar disponível em várias instituições hospitalares em Portugal e destina-se aos adultos que são elegíveis para esta terapêutica.

Durante os ensaios clínicos comparativos com outros medicamentos considerados como tratamento standard foi comprovada a superioridade de Cosentyx no controlo da doença, assim como uma melhoria significativa na qualidade de vida dos doentes.

Este medicamento vem também colmatar uma necessidade terapêutica, dado existirem doentes que não respondem aos tratamentos atuais ou têm contra-indicação para os mesmos. Estima-se que a psoríase cronica em placas afete em Portugal cerca de 200 mil doentes, sendo que 20 a 30% apresenta formas moderadas a graves.

As manifestações iniciais da psoríase surgem entre os 15-22 anos ou entre os 55-60 anos. A psoríase é uma doença crônica, não contagiosa, dolorosa e incapacitante para a qual não existe cura e com grande impacto negativo na qualidade de vida dos doentes.

Esta pode ser desencadeada por fatores externos e internos que incluem: trauma ligeiro, queimaduras solares, infeções, fármacos sistêmicos e stress.

Fonte: Move Noticias

Deixe o seu comentário