O que as instituições de pacientes falam sobre os biossimilares?

No dia 16 de novembro de 2015 foi realizada uma reunião presencial sediada em Curitiba com o consenso de representantes das instituições de pacientes, promovida pelo Centro de Pesquisas Clínicas e Educacionais (Edumed). Houve uma imersão nos principais temas relacionados aos biossimilares, como farmacovigilância, regulamento, extrapolação de indicações, intercambialidade etc, e produção de um documento contemplando o entendimento do consenso.

Algumas conclusões:

– Farmacovigilância: faz-se necessária uma reformulação no sistema brasileiro para facilitar o manuseio e tornar mais acessível;
– Mercado nacional: a competitividade econômica proporcionada pelos biossimilares tende a aumentar o acesso a estes produtos;
– RDC nº 55/2010: é fundamental, mas é necessária uma atualização.

Para acessar o arquivo completo com todos os pareceres das instituições clique aqui.

Fonte: Biossimilares Brasil

Deixe o seu comentário